Júlio Delgado protocola pedido de convocação de ministro do GSI

Os deputados Júlio Delgado (MG) e Danilo Cabral (PE), ambos do PSB, apresentaram na sexta-feira (22.05) um requerimento de convocação do general Augusto Heleno, ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) do Governo federal. O objetivo é solicitar esclarecimentos sobre a nota divulgada pelo general da reserva na mesma sexta-feira. No texto, Heleno se posicionava sobre o pedido de apreciação feito pelo STF à Procuradoria Geral da República (PRG) sobre um pedido da oposição para apreender e investigar o conteúdo do telefone celular do presidente Jair Bolsonaro.

Em um dos trechos da manifestação, general Heleno afirma que o pedido de apreensão é “inacreditável”, acrescentando que seria uma “afronta à autoridade máxima do Poder Executivo”, que poderia resultar em “consequências imprevisíveis para a estabilidade nacional”.

Na avaliação de Júlio, tal declaração precisa ser esclarecida: “São insinuações graves que atentam contra o Estado democrático de direito. O Congresso Nacional não pode se omitir nesse momento”, declarou.

O pedido protocolado precisa passar por avaliação do presidente da Câmara, o deputado federal Rodrigo Maia (DEM/RJ). Segundo Júlio, a manifestação será cobrada durante sessão plenária marcada para a próxima terça-feira (26.05)