Câmara aprova projeto que garante BPC e Bolsa Família a atingidos por barragens

Há semanas venho falando de minha preocupação com as famílias de Brumadinho que tiveram suspenso o pagamento de benefícios como Bolsa Família, Renda Mensal Vitalícia e o Benefício de Prestação Continuada – BPC. Recentemente, fiz até um alerta sobre o problema em minhas redes sociais.

Além disso, no 1º semestre encaminhamos via CPI de Brumadinho da Câmara Federal – comissão que presido, requerimentos cobrando explicações dos Ministérios da Economia e da Cidadania, sobre a possibilidade desses cortes.

O Governo até chegou a editar uma Medida Provisória garantindo a manutenção do apoio financeiro às famílias. Acontece que a medida perdeu a validade e muitos ficaram sem ter os valores depositados.

A boa notícia é que Câmara aprovou nesta quinta (12/19) um projeto que permite que os afetados pelo rompimento da barragem acumulem os valores relacionados aos benefícios sociais aos seus rendimentos sem que a soma comprometa o enquadramento dessas pessoas e as tornem inaptas a participar dos Programas Sociais.

Fico muito feliz de ter contribuído deste debate desde o início, em defesa dos direitos dessa população tão maltratada e que ainda sofre diversas consequências do crime da Vale. O texto ainda precisa passar pelo Senado.